segunda-feira, 1 de outubro de 2007

Alto Vinho

Alentejo - Altas Quintas Reserva 2004
Imagine um vinho alentejano cujas vinhas que lhe deram origem estão, em média, a 600 mts de altitude. Imagine a determinação de um produtor, em fazer grandes vinhos que diferem dos que demais se fazem no alentejo. Imagine por fim que enólogo seria audaz o suficiente para aceitar tal desafio.
Ora, o local destas vinhas é na Serra de São Mamede, o Produtor é João Abreu e o enólogo claro está é o Paulo Laureano. E desta equação, saiu, de entre outros, este Altas Quintas Reserva que estagiou 15 meses em madeira nova de carvalho francês, resulta das castas Aragonês, Alicante Bouschet e Trincadeira, tem 14,5% vol e apresenta cõr granada carregada. No nariz está muitissimo bem, com aromas de fruta muito madura, floral, cacau e ainda algum eucalipto. Na boca é um vinho muito estruturado, cheio com taninos de alto gabarito bem presentes a indicarem que este vinho ainda tem a ganhar com mais algum tempo em garrafa. Termina longo.
Nota 17,5

2 comentários:

Chapim quinta-feira, outubro 04, 2007 9:38:00 da manhã  

Um vinho magnífico de facto!

A altitude a mostrar toda a sua importância em terrenos quentes como o alentejo.

Que venham mais como este!
E força para o blog!

Pedro Rafael Barata (Blog Os VINHOS) quinta-feira, outubro 04, 2007 1:23:00 da tarde  

De facto é um vinho do qual eu também gosto muito!

Blogues Recomendados

Blogues Recomendados

  • Prova - *Solstício. 2 Barricas (t) 2010* Diga-se desde já que conhecemos bem o homem por detrás deste vinho - isto é uma declaração de interesses (apesar de todo o...

Arquivo do blogue

  © Blogger template 'External' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP