sábado, 5 de abril de 2008

Seara D'Ordens

Quinta de Seara D'Ordens Porto Vintage 2005
Produtor - Seara D'Ordens
Região - Porto
Grau - 19,5% vol
Preço - A partir de 20€
Feito a partir das castas tradicionais do Douro, este vintage reporta unicamente a uma colheita e foi engarrafado 2 anos após a mesma.
Cor rubi de boa concentração.
Começa com a fruta densa e madura, onde podemos retirar associações a amoras, framboesas e ameixas. Com algum arejamento no copo aparecem as notas florais, algum vegetal, algum tostado e baunilha.
Muito saboroso na boca, este vintage mostra frescura, uma boa dose de taninos algo arredondados e um final bem compensador.
A ano de 2005 não foi o que se pode chamar de Vintage Clássico e por isso
mesmo, muitos produtores lançaram os seus Single Quinta Vintage. Este vintage está já neste momento com uma excelente prova não retirando obviamente a sua capacidade de guarda. São estes anos e que permitem uma proximidade aos vintages novos. Gostei bastante deste vintage pela sua abertura à prova bem como pelo seu lado potente e rústico.
Nota 17


Quinta de Seara D'Ordens LBV 2003
Produtor - Seara D'Ordens
Região - Porto
Grau - 19,5% vol
Preço - A partir de 13€
Neste momento sairam os LBV's de 2003 para o mercado, uma vez que são engarrafados a partir do 4º ano.
Feito a partir das castas tradicionais do Douro este LBV estagiou em madeira atá ao seu engarrafamento.
Cor rubi.
Não tem desde logo a percepção de complexidade do Vintage, aliás nem é o que se pretende. Bem mais directo, mais frutado este LBV apresenta notas de fruto maduro que se associam a notas de barrica.
Na boca apresenta uma boa dose de frescura e uma boa evolução na boca com notas vegetais no retrogosto. Os taninos aqui são bem selvagens e curiosamente bem menos redondos que no vintage, o que penso darem uma indicação firme que precisará de garrafa. Termina com boa persistência.
Já alertei para a qualidade que apresentam os LBV's nos dias que correm. Este é mais um LBV que agrada e que pede ainda de mais um pouco de tempo em garrafa.
Nota 15,5



0 comentários:

Blogues Recomendados

  • CARM branco 2016 - Este branco da CARM (*Douro*) nasce no Douro Superior pela mão da família Roboredo Madeira. As uvas das castas Rabigato, Códega do Larinho e Viosinho, fo...
  • Quinta dos Roques: Encruzado de 2015 - Não, não vos trago nenhuma novidade. A maior parte de vocês já o deve ter bebido, mais que uma vez. O nome do produtor e casta são velhos conhecidos. Respe...

Blogues Recomendados

  • Prova - *Solstício. 2 Barricas (t) 2010* Diga-se desde já que conhecemos bem o homem por detrás deste vinho - isto é uma declaração de interesses (apesar de todo o...

Arquivo do blogue

  © Blogger template 'External' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP