quarta-feira, 21 de novembro de 2007

As Melhores "Pumadas" do Ano

Existe sempre a tendência de se elaborarem listas dos chamados melhores do ano, é em acontecimentos, em golos, em jogadas, em pessoas e obviamente em vinhos. O mote é dado pelos guias que se vão publicando ao longo deste final de ano pelo que também eu irei dar a minha contribuição, singela, para os vinhos que mais me marcaram durante este ano. Foram mais de 600 vinhos provados até ao dia de hoje. Obviamente não se encerram nesta lista os melhores vinhos que provei, e provavelmente ainda existirão muitos que caberiam aqui neste lista, pelo que obviando as injustiças que possa estar a cometer, eis os vinhos que mais me marcaram em 2007:


Vinho do Ano:
Niepoort Batuta 2005


Tintos do Ano por Região:

Douro
Quinta do Crasto Vinha Maria Teresa 2005
Quinta do Vale Meão 2005
Quinta de Roriz 2005
Esmero 2005
Poeira 2005
Pintas 2005
Charme 2005
Bairrada/Beiras
Luis Pato Vinha Barrosa 2005
Luis Pato Vinha Pan 2005
Campolargo Calda Bordaleza 2005

Dão
Quinta das Marias Touriga Nacional Reserva 2005
Carrocel 2006
Pape 2005
Quinta da Vegia Reserva 2005
Quinta do Perdigão Touriga Nacional 2004

Estremadura/Ribatejo
Pinhal da Torre Quinta de São João 2004
Quinta do Monte D'Oiro Reserva 2004
Homenagem a António Carqueijeiro 2001

Terras do Sado
Cavalo Maluco 2005
Anima L5 (Vinho de Mesa)
Herdade das Soberanas S de Soberanas

Alentejo
Cortes de Cima Reserva 2004
Adega Mayor Garrafeira do Comendador 2003
Zambujeiro 2004
Tapada de Coelheiros Garrafeira 2003
Julio B Bastos 2004

Brancos do Ano por Região:

Minho
Soalheiro Primeiras Vinhas 2006
Anselmo Mendes Curtimenta 2005
Covela Escolha 2006
Muros de Melgaço 2006

Douro
Conceito 2006
Redoma Reserva 2006
Curva Reserva 2006
Guru 2006

Bairrada/Beiras
Diga? 2005
Vinha Formal 2006

Dão
Quinta da Marias Encruzado Fermentado em Barricas 2006
Primus 2006

Estremadura/Ribatejo/Terras do Sado
Tradition 2005
Quinta do Lagar Novo Viognier 2006
Quinta do Lagar Novo 2006
Quinta de Chocapalha Reserva 2006

Alentejo
Maria Amantis 2005
Herdade dos Grous Reserva 2006


Generosos:


Burmester Colheita 1938
Kopke Colheita 1967
Dow's Vintage 1994
Porto Branco Krohn 1964
Ramos Pinto Quinta do Bom Retiro 20 Anos
Calém 20 Anos
Kopke 40 Anos
Casa Agricola Horácio Simões Moscatel de Setúbal Roxo Excellent
José Maria da Fonseca Roxo Superior 1971
Blandy's Bual 1920
Barbeito Frasqueira 1982
Barbeito 30 Anos


Estrangeiros:

França
Domaine de la Janasse Chaupin 2004
Domaine de Pégau Cuveé Reservé 2004
Château Léoville Barton 2006
Château Pape Clément 2006
Château Climens 2006
Domaine Billaud-Simon Chablis Grand Cru Les Clos 2002

Itália
Gaja Sperss 2001
Gaja Barbaresco 2001

Austria
Weinlaubenhof Alois Kracher Welschriesling TBA #2 Zwischen den Seen 2004
Nigl Riesling Privat 2005
Weingut Knoll Grüner Veltliner Federspiel Loibner 2006
Prager Grüner Veltliner Smaragd Achleiten 2006

Alemanha
Egon Müller Scharzhofberger Riesling Kabinett 2004
Markus Molitor Graacher Domprobst Riesling Eiswein #60 2004

Espanha
Mas d'en Gil Priorat Coma Vella 2003
As Sortes 2006

Chile
Casa Lapostolle Clos Alpalta 2000
Concha y Toro Don Melchor Cabernet Sauvignon 2005




4 comentários:

Chapim quinta-feira, novembro 22, 2007 10:51:00 da manhã  

Caro João,
que bela lista! Percebo o que dizes com as injustiças mas está uma belíssima selecção. E 600 vinhos é obra!

Só um reparo, penso que o Conceito a que te referes é o 2006 e não 2005. E para mim é o branco do ano!

Boas provas!

Nuno de Oliveira Garcia quinta-feira, novembro 22, 2007 11:19:00 da manhã  

Bela lista, sem dúvida! Penso que não existiu, ao que conheço, o Vegia Reserva 2004 (apenas o 2003 e 2005). E tenho dúvidas quanto ao Júlio B. Bastos 2003.

Já no que toca ao Conceito (B) 2006 também gostei mas não fiquei maravilhado (e com o tinto, muito menos). Caro Chapim, não me leves a mal.

Abraços,

N.

VinhoDaCasa quinta-feira, novembro 22, 2007 10:49:00 da tarde  

Bela lista, fico feliz por teres na lista alguns vinhos que bebemos juntos aquando da nossa digressão! :)

Já o Conceito, não é um vinho consensual, eu gostei quando o provei, mas não me pareceu ser um vinho EXCELENTE, tendo em conta que ao lado tinha um Chardonnay Cape Mentele e um Gaja Rossj Bass...
Tenham em atenção que os CRÍTICOS NOVA CRÍTICA apenas pontuaram o vinho com 15. Acho pouco, mas eu sou um amador, puro e duro.

Grande abraço, e uma vez excelentes escolhas.

Gostava de ler a nota de prova do JPM e do Falcão sobre o Conceito... Aguardemos

Copo de 3 domingo, novembro 25, 2007 6:48:00 da tarde  

O João com tanta prova baralhou-se com os anos... deixa lá, alguns com tanto vinho provado costumam-se baralhar com as notas do Conceito branco 2006.

Em Portugal para mim é o branco do ano sem qualquer dúvida. Tenho tido o prazer de acompanhar a evolução deste vinho, provado por 3 vezes, sendo que da primeira foi quando menos gostei e a última foi a que me conquistou.
Afinal faz parte da vida de um vinho evoluir.

Blogues Recomendados

  • Since 24 de Abril de 2006 - A liberdade permite-nos dizer tudo ou nada. A liberdade permite-nos dizer o que nos vai na alma, correr riscos, gritar, vociferar, chorar, rir, brincar. La...
  • Boina 2015 - Uma estreia de um novo produtor oriundo do Douro a partir de duas vinhas velhas, uma perto da Régua e outra no extremo norte da região. Nomes como Tourig...

Blogues Recomendados

  • Prova - *Solstício. 2 Barricas (t) 2010* Diga-se desde já que conhecemos bem o homem por detrás deste vinho - isto é uma declaração de interesses (apesar de todo o...

Arquivo do blogue

  © Blogger template 'External' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP